Segundo pesquisa, crianças que usam aparelhos eletrônicos dormem menos

Neurociência

04 Outubro, 2017

Confira matéria do Prof. Alexandre Rezende no Site Pais&Filhos. 

Segundo pesquisa, crianças que usam aparelhos eletrônicos dormem menos

É IMPORTANTE EVITAR, PRINCIPALMENTE À NOITE


Seu filho passa horas brincando com tablets e smartphones ou na frente da televisão? Ele pode estar dormindo menos do que crianças que não interagem tanto com a tecnologia.

Segundo um estudo publicado na Scientific Reports, cada hora que crianças  de seis meses a três anos passam usando aparelhos eletrônicos com tela de toque pode estar relacionada a 15 minutos a menos de sono.

Como funciona

A Glândula Pineal localizada no nosso cérebro tem a função de produzir o hormônio  neurormônio melatonina, responsável pelo controle do sono. Seu funcionamento é baseado na diminuição ou ausência de luz, ou seja, a presença da luz inibe o funcionamento dessa glândula e, consequentemente da produção de melatonina.

Quando você dorme mal o dia não rende muito, certo? Quando seu filho passa uma noite mal dormida, afeta a parte neurológica, fisiológica, psicológica e, principalmente, o processo de aprendizagem dele.

Segundo Alexandre Rezende, professor de Neurociência aplicada a Educação do IBFE (Instituto Brasileiro de Formação de Educadores) e pai da Ana Júlia, a aprendizagem utiliza basicamente três processos: repetição, elaboração e fixação. "No momento que sonhamos, a consolidação das memórias ocorre."

E o hipocampo é a parte do cérebro ...

Leia matéria completa AQUI.

Chat