O sentido da vida | O Homem se faz - por Fausto Ferreira

O sentido da vida

26 Fevereiro, 2018

Muito já se falou e se escreveu sobre essa possibilidade. Então, porque abordar novamente tal tema?

Simples, ele não se esgota. Ao contrário, instiga a pensar e, cada vez mais, nos leva a entender melhor nossa existência.

Quando nos deparamos com a pergunta inquietante - Qual o significado de minha vida? Muitas vezes, deixamos para lá, porque dá um trabalho danado fazer tal análise. E, também, por acharmos que isso não tem muito sentido, num mundo ágil, virtual e cheio de mudanças e inovações, que estamos vivendo.

Exatamente por isso, o grande barato, nesse caso, é ser protagonista de nossa própria vida, ao contrário de seguir a formatação imposta pelo mercado -

Ser igual aos outros.Ser eu mesmo, primeiro me diferencia da manada, segundo me dá autenticidade. Essa construção se dá pela educação, pelo conhecimento, pelo pensamento, pelos erros e acertos.

Construir-me positivamente, sempre, para entender o mundo, conviver e, também, porque quando a adversidade chegar, facilitar enormemente o seu enfrentamento.

Acredito profundamente na possibilidade de desenvolvimento das pessoas, tendo como base a minha própria experiência de vida, bem como de diversas outras pessoas, com quem convivi, observei e li a respeito. Isso, sem contar minha formação, leitura e estudos.

O diferencial para a obtenção do sucesso e crescimento, diferente de fama, que encontrei, se chama determinação.

Querer fazer e agir. Errar muitas vezes e não desistir, até acertar. É o que nos impulsiona na busca pelo conhecimento e pelo resultado objetivado.

Se ainda não tiver um sentido para sua vida, dê um sentido para ela. Você pode fazer isso. Construa-se.

Jamais, em tempo algum, se preocupe com o que os outros irão achar de você. Faça e encontre o seu caminho.

Você se sentirá fortalecido. Não significa, em hipótese alguma, que você viverá de forma individualista; ao contrário, será você inteiro, convivendo em diferentes grupos.

Aí dá para compartilhar ideias.

O resto é simplesmente o resto, não sua essência, que foi construída a partir de sua existência.

Chat